Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Julho, 2010

Já naquela altura...

Pois o meu amigo Bino até acha que não foi nada caro. Também acho. A gula era mesmo pecado. Mas o que mais me "impressionou" no jeito do "empreita" foi o facto de "renovar o céu", "retocar o purgatório" e "limpar as unhas e pôr os cornos ao diabo". Coisas nada fáceis, como se vê. Ganda mestre! Hoje já não há desta fibra.

Noites de Verão no condomínio

E os concursos t-shirt molhada e não só. Anões, cavalos amestrados e amazonas. O Bino "bai" delirar. Na borda da piscina iluminada com "belas" e no ar as fragâncias do mincenso comprado na Natura. E música, muita música. Aqui fica o desafio.

Violência doméstica ou até os Bichinhos Gostam

Segundo o "Insólito" da Revista Sábado, que cita o diário cubano Juventud Rebelde, uma avestruz do zoo de Sancti Spiritus morreu de fome e de falta de repouso [exaustão], vítima do apetite sexual do parceiro que copulava com ela até 7 vezes ao dia [outra vez o 7, a importância do 7...]. Este avestruz-macho bate aos pontos uns 7 x 7 Zézés Camarinhas. E para quem não sabe, dizem os especialistas que o tal machão precisa de 2 a 3 fêmeas para satisfazer os seus instintos sexuais. Ora toma! O meu amigo Bino suspira por ser o avestruz-macho cá do condomínio. - É Bino, vê lá nas que te metes. [E façam o favor de seguir o exemplo das joaninhas e sejam felizes!]

Amanhã, se acontecer

Amanhã saberei se a "noite" passou por ti de forma indiferente. Amanhã saberei se o negro da "noite" te beijou a alma e se finalmente te fez crescer. E depois desta "noite" ficarei a saber se há lugar para mim nos braços das estrelas que a manhã, se acontecer, apagará.

Surpresa

Fiquei surpreendido. Segundo o Facebook, eu e o Cristiano Ronaldo temos 101 "amigos e amigas" em comum. Eu e Pedro Abrunhosa, nada menos que 78. Curiosamente, eu e a D. Mirinha, a porteira cá do prédio, não temos "amigos" em comum. Difícil de acreditar e de aceitar? Claro. Este Facebook tem coisas assim. No mínimo estranhas.

O que espera Rute F.?

Não suporta o presente. Odeia-o. A idade ajuda. A menos que invista ilusoriamente nos "milagres" da cirurgia plástica. Experimentou. Gostou do resultado. Rute F. está agora novamente no mercado dos namoros fora de tempo. Espera o retorno do investimento estético. Para a Economia, Rute F., é mais um produto sem sucesso garantido. São as regras implacáveis da "mão invisível".

Erros (ir)reparáveis

Nunca mais abro um parentesis, sem que antes tenha a certeza de que o posso fechar. [E façam o favor de seguir o exemplo das joaninhas e sejam felizes.]

"Amizade"

Temos ambos conta no Facebook. Somos "amigos". Cultivamos uma "amizade" civilizada. Quis o acaso que nos cruzássemos. Afinal, nem sequer nos conhecíamos de sítio nenhum. Como fiquei confortado! [E façam o favor de seguir o exemplo das joaninhas e sejam felizes.]

Instante

Ter-te no instante
Do desejo
E sentir a tua pele
Roçando a minha
Sedentas de prazer
É ter-te no instante
De tanto te querer
E morrer de amor.

[E façam o favor de seguir o exemplo das joaninhas e sejam felizes.]